Home

Qual o papel da psicanálise?

Mais do que tratar um transtorno ou um sintoma, meu objetivo é devolver ao paciente a capacidade de se reconectar com aquilo que ele é em sua essência: um ser humano dotado de qualidades e talentos e com um potencial para o crescimento e a realização pessoais.
 
Muitas vezes, a pessoa ignora essa verdade simples e fica presa no medo, na angústia e na dúvida. O mais importante é não permitir que nossos fracassos e nossas fraquezas nos definam. O papel da Psicanálise é criar condições para que o paciente não esqueça essa lição básica.

Uma visão pessoal da Psicanálise

Freud acreditava que era possível curar as pessoas do sofrimento causado por emoções e pensamentos reprimidos por meio da Psicanálise. E o que é a Psicanálise? Minha experiência com meus pacientes me levou a ver a Psicanálise como um caminho para a autocompreensão e a autorrealização. Para mim, a Psicanálise é também um itinerário: a pessoa é levada a aceitar a própria história, com suas vitórias e derrotas, alegrias e tristezas, promessas e decepções, e a reconhecer seu valor. Como disse Freud: “Um dia, em retrospecto, os anos de luta lhe parecerão como os mais bonitos”.
Rosana cyrineu

A criança tem sua própria forma de se comunicar​

Não é como o adulto. A criança se expressa por meio de linguagens simbólicas como o brincar e o desenho. O desenvolvimento mental de uma criança (e dos bebês) ocorre em uma ambiente em que a figura materna, o modelo de relações dentro da família e a relação da criança consigo mesma têm mais importância do que quaisquer outros fatores. 

A adolescência traz questionamentos

É nessa fase da vida que você faz escolhas importantes sobre valores, sexualidade, carreira etc. Entra em jogo as expectativas que família e amigos têm em relação a você. É também a hora da busca por uma identidade, do desejo de independência dos pais e da luta para se ajustar a novas responsabilidades trazidas por novos papéis (como a entrada na faculdade ou o primeiro emprego).

Desafios são parte da experiência de existir​

Às vezes, enfrentar sozinho dificuldades não é a única opção. Na análise, você pode encontrar ajuda para: sentimentos de depressão, baixa autoestima, diferentes tipos de ansiedade, fobias, obsessões, compulsões, transtornos alimentares, comportamentos suicidas e doenças psicossomáticas. 

Problemas de relacionamento na família se refletem na vida de cada membro individualmente​

Às vezes são dificuldades financeiras ou diferenças de personalidade que tornam a vida sob o mesmo teto um desafio para todos. Eventos traumáticos como a morte de um dos pais ou a descoberta de uma doença grave como câncer ou Mal de Parkinson são fonte de sofrimento psicológico.

Fale comigo

© 2021. Desenvolvimento: Claudio Academy

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo